Sábado, 29 de Abril de 2006

Maria João Bastos em “O Veneno da Madrugada”

Ainda saboreia o sucesso conseguido com o seu papel de vilã em “Mundo Meu” e já está na ribalta outra vez. Maria João Bastos é uma das actrizes que entra no filme brasileiro “O Veneno da Madrugada” que, agora, estreia em Portugal.

Na longa-metragem, a actriz interpreta Rebecca Assis, uma das poucas mulheres que sobressaem numa história em que os homens são protagonistas absolutos. “Parece apagada, submissa, mas acaba por ter um papel fundamental. É a mulher na vida de um homem. Está sempre lá, à espera do marido. Numa sociedade em que são eles que mandam, é muito engraçado ver como ela se torna importante”, explica Maria João. A importância do seu papel cresce à medida que o conflito se adensa.

Num dia em que não pára de chover numa cidade perdida no mapa, Rebecca é acusada por toda a população de ter traído o marido, depois de uns pequenos folhetos terem circulado com a notícia. O facto gera a ira do cônjuge e dá-se o confronto. No entanto, tudo não passa de uma vil mentira. “É acusada injustamente”, sublinha. E vai ter de provar a sua inocência. Mais um desafio na carreira da actriz, que sempre que pode faz cinema. “Gosto imenso. E esta foi uma experiência muito boa. Trabalhei com o Ruy Guerra, que é considerado um dos melhores realizadores brasileiros. Foi uma oportunidade única”, refere ainda.

Difícil foi habituar-se ao sotaque brasileiro com que, desta vez, teve de enfrentar as câmaras. Apesar de já ter feito inúmeros trabalhos em terras de Vera Cruz, Maria João nunca recorreu ao português do Brasil. Ter de o fazer nesta longa-metragem deixou-a pouco à vontade. “Foi muito difícil. Acho que prejudica a interpretação”, confessa. Mesmo assim, o balanço é positivo. “Adorei!”, remata.

Preparada para arrancar na novela de Rui Vilhena
Trabalho não falta a Maria João Bastos. Neste momento, encontra-se a preparar o seu próximo projecto televisivo, pois foi escolhida para ser Raquel em “Dinheiro Vivo”, novela da TVI, escrita por Rui Vilhena. Um novo desafio na sua carreira. “É um papel muito diferente do anterior. A Raquel é o oposto da Sofia de ‘Mundo Meu’. É genuína, boa, diz o que lhe vem à cabeça, sem premeditações. É uma mulher de emoções. Espero conseguir estar à altura...”
TV Mais

.Televisão


. ver perfil

. seguir perfil

. 14 seguidores

.pesquisar

.Outubro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Ultimos Posts

. João Catarré e Patrícia C...

. A vida difícil de José Fi...

. O Regresso (talvez)

. No novo desafio de Alexan...

. Maria João Bastos content...

. António Pedro Cerdeira co...

. Leonor Seixas e Albano Je...

. Ricardo Pereira vale ouro

. Merche Romero - Família d...

. Clara de Sousa - Dança at...

.arquivos

. Outubro 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.Contador

online

.Quantas pessoas já passaram por aqui e eplo blog antigo:

blogs SAPO

.subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários

RSSComentários do post